Nunca leve o sacado da duplicata à protesto, sem antes se acautelar. Nunca leve o sacado da duplicata à protesto, sem antes se acautelar.
Word 2016, Excel 2016, PowerPoint 2016, OneNote 2016, Outlook 2016, Publisher 2016, and Access 2016. http://www.cdkeypascher.com http://www.cdkeypascher.com/office-2016-3-product-key/ cheap windows 10 key http://www.productkeysale.com http://www.mmkey.net cheap windows 10 key

Clipping

  • Nunca leve o sacado da duplicata à protesto, sem antes se acautelar.

    Ocorrendo inadimplemento do título, ou recusa do devedor em pagar por motivos como: vício (devolução da mercadoria, saque de duplicatas frias, etc.), deverá o faturizador notificar o faturizado, constituindo em mora e exigindo-lhe a recompra dos títulos que não foram pagos, no prazo determinado. Não cumprindo no prazo estabelecido, pelo faturizado, a recompra dos títulos poderá o faturizador tomar as medidas cabíveis em face daquele. Havendo inadimplência do sacado-devedor, poderá o faturizador notificar este, constituindo-o em mora e, caso não pague no prazo concedido, deverá o faturizador protestar o título, tomando as medidas administrativas e judiciais cabíveis. Muitas levam o título à protesto, maculando no nome do sacado para pressionar o sacador-faturizado. Nesse caso, é grande o risco da factoring sofrer ação de indenização moral. Sem ter a certeza que se trata de título meramente inadimplido, ou seja, sem vícios, como devolução de mercadorias, saque de duplicata fria, etc. nunca se deve protestar o sacado, somente em caso de inadimplemento e se o faturizado não recomprar o título.

     


  • Jurisprudências

    Direito de regresso no caso de insolvência

    Agravo de instrumento n. 2004.033451-8, de Blumenau. Relator: Des. Sérgio Roberto Baasch Luz. AGRAVO DE INSTRUMENTO ¿ AÇÃO DECLARATÓRIA DE INEXISTÊNCIA DE ...

    Leia Artigo Completo